SECRETARIA MUNICIPAL DE EDUCAÇÃO DE PIRACICABA

Profissionais de educação física participam de curso de capacitação

12 de junho de 2017 • Larissa Mizuhira

Oferecido pelo SESC em parceria com a Selam, professores da Rede assistiram palestra e realizaram atividades práticas

Fotos: Assessoria de Imprensa SME 

Na manhã da última sexta-feira, 09/06, professores de educação física do ensino fundamental da Rede Municipal e da Selam (Secretaria Municipal de Esportes, Lazer e Atividades Motoras), participaram de curso de capacitação oferecido pelo SESC Piracicaba em parceria com a Selam.

O professor de educação física e coordenador técnico do Instituto Esporte Educação de São Paulo, Abel Ardigó Júnior, palestrou sobre a metodologia do esporte educacional. Mostrou alguns princípios e critérios de um sistema utilizado para que a ação do professor tenha mais sucesso.

“Essa metodologia tem um conceito em que o grande diferencial é o jogo, no qual possamos fazer desse movimento uma escola mais ativa, um profissional mais intencional e que possa atingir verdadeiramente seu plano de trabalho, seu objetivo”, diz Ardigó.

Após a palestra, o professor coordenou atividades práticas de jogos no ginásio, dentro dos princípios abordados. “O objetivo é mostrar que os jogos podem ter uma intencionalidade e se intitularem como uma modalidade esportiva, e não apenas um jogo”, diz. “O ideal é que a gente pratique, faça uma ação de um conceito e se torne um produto, que é o professor”, completa.

Para Carolina Tanaka, professora de educação física da E.M. Profº José Pousa de Toledo, a interação dos profissionais do esporte e da educação é muito importante. “Envolver os participantes, todos os alunos e fazer a inclusão faz com que a gente desenvolva novas ideias e projetos para serem aplicados na escola”.

“A capacitação ajudou a termos um olhar diferente para as estratégias que trabalhamos com as crianças e a pôr intencionalidade no que fazemos em aula”, relatou a educadora física da E.M. Profª Ilda Jenny Stolf Nogueira, Juliana Cordeiro Santos.

Mário Luís de Almeida Leme, professor de educação física da Selam, contou que a vivência foi ótima. “Esses jogos e brincadeiras podem ajudar no desenvolvimento motor da criança e a melhorar a parte cognitiva. Podem também desenvolver a iniciação ao esporte, melhorando a saúde e a qualidade de vida como um todo”, observa.

Abel Ardigó Júnior

Carolina Tanaka

Juliana Cordeiro Santos

Mário Luís de Almeida Leme

‹ voltar